Praia e a alimentação

Praia e alimentação: Sol, calor, mar, areia… verão… todos os caminhos vão dar à praia e à alimentação na praia.

Chegada a altura das férias e fins-de-semana de calor a maioria de nós ruma à praia para descansar, relaxar, retocar o bronze e conviver com os amigos e família. No entanto pensar na hora da refeição e dos snacks é uma “chatice” pois nem sempre sabemos o que levar de comida para a praia.   

O principal quando estamos a fazer a nossa marmita para nos deliciarmos na praia é:

. Utilizar alimentos não perecíveis ao calor, ou seja, que facilmente se estraguem;

. Alimentos frescos e ricos em água, pois com o calor são os que sabem melhor;

. Hidratação.  

 

Hoje vou apresentar-vos algumas sugestões de alimentos que não devem faltar na vossa alimentação na praia e porquê.

 

  1. Água:

Nas nossas idas à praia ou piscinas em que sabemos que iremos ficar muito tempo expostos ao sol/calor o primordial, que não podemos esquecer mesmo, é a água.

A exposição do nosso corpo ao calor vai provocar o aumento dos mecanismos de arrefecimento do corpo, como por exemplo a transpiração, levando à perda de água. Esta exposição, se prolongada, leva à desidratação pela diminuição de moléculas de água na pele e células, começando a manifestar-se com sinais como a pele seca, fadiga e falta de apetite (muito comum sentir-se isto no final do dia de praia).

Para evitar estas situações, uma boa dose de líquidos como chás sem açúcar, água e sumos de fruta (1 peça de fruta + água) vão ajudar-te.    

      2. Fruta:

A sugestão que na minha opinião é de primeira linha para uma boa alimentação na praia.

A fruta é algo que não leva tempo a preparar, de fácil transporte e mantém-se fresca durante um bom período de tempo. Na sua maioria são ricas em água que te vão ajudar a refrescar, hidratar e pela composição em fibra e frutose saciar durante um bom período de tempo.

Maçã, melancia, uvas, melão, abacaxi/ananás, cerejas estão na linha da frente pela sua riqueza em água e vitaminas importantes para esta época do ano.

      3. Bolachas de milho ou arroz:

Para acompanhares a fruta nada melhor que roer algo. As tortilhas de milho ou arroz são uma boa opção de comida para a praia.

Adequadas pela quantidade de hidratos de carbono e pobreza em gorduras saturadas vão permitir-te manter a alimentação saudável que tens vindo a fazer.

      4. Saladas:  

No ambiente quente o que mais te vai apetecer é comer algo fresco e leve para não te sentires inchado e sensação de “barriga cheia”. Para tal a refeição principal, se feita na areia, pode ser constituída por uma salada que deves preparar antes de sair de casa.

Alface, tomate e pepino podem servir de base e para compores a tua refeição em proteína poderás adicionar ovo cozido, delícias do mar e/ou atum.

Se a tua dieta sugerir a adição de hidratos de carbono poderás utilizar como base para a comida na praia a massa cozida apenas em azeite e água ou leguminosas como a ervilha ou o feijão.

A utilização de molhos deve ser evitada pela possibilidade de alteração dos mesmos pelo calor.

      6. Produtos GRANJO

Para simplificar o teu trabalho pré-praia, e teres sempre uma boa alimentação na praia, poderás sempre optar pelos produtos GRANJO.

Apenas com 1 shake, introduzes 250ml de água ou bebida vegetal e 1 embalagem de um GRAN RISE à tua escolha e tens um snack pronto, saboroso que para além de te saciar vai manter-te hidratado.

. GRAN RISE Beterraba e Moringa

. GRAN RISE Espinafre e Maçã

.GRAN RISE Côco e Ginkgo biloba

. GRAN RISE Cacao cru

. GRAN RISE Morango e Açaí

Mostramos-te a preparação deste shakes neste artigo.

 

Vai à praia, mantém-te saudável com a comida na praia, mas não te esqueças uma bola de Berlim faz parte!

 

Do teu nutricionista,

Pedro Lourenço (2061N)

WIEMSPRO PAREDES

 

Artigos relacionados

Dicas dieta como lifestyle
6 DICAS PARA TORNAR A DIETA COMO LIFESTYLE
Dieta como Lifestyle Uma alimentação saudável é essencial para o bom funcionamento do nosso organismo. O nosso corpo precisa de alimentos ricos em proteínas, gorduras, vitaminas, sais minerais e água,...
fome emocional fome fisica
Fome emocional vs Fome física
Fome emocional versus fome física   Comer já não se limita à função nutritiva, passou a relacionar-se com processos afetivos e socioculturais. Assim, muitas pessoas não comem só para satisfazer...
alimentação e treino
Alimentação: o segredo para o sucesso do teu treino
Alimentação e treino O exercício físico e alimentação ajustada são duas das vertentes mais importantes no estilo de vida saudável. No entanto para que atinjas os teus objetivos, deves adequar...